Xô, depressão!

Na terça-feira, dia 12, o Estadão e o Secovi promoveram o Summit Imobiliário Brasil 2016, um dos eventos mais importantes do segmento. Com abertura de Francisco Mesquita (foto), diretor Comercial do jornal, que mostrou um saudoso acervo de peças publicitárias para discorrer sobre como se anunciava imóveis antigamente, e do atual presidente do Secovi, Flavio Amary, que aproveitou o microfone para mostrar a posição do sindicato da habitação favorável ao impeachment da presidente Dilma. As exposições seguintes mostraram um cenário do setor que parecia que ninguém queria ver. Talvez pelos dias tensos e de indecisões politicas, poucos se animaram com…

Boas-novas para os usados

A Caixa Econômica Federal anunciou no dia 8 de março o aumento do percentual da linha de crédito para quem quer comprar um imóvel usado. Desde o ano passado, estava financiando 50%. Agora são 70% para trabalhadores da iniciativa privada e 80% para funcionários públicos. Mas não saia comemorando #partiucasaprópria que lá vem as restrições. Para usufruir desse crédito, você não pode recorrer ao fundo de garantia (FGTS). A opção é pelo sistema de poupança e empréstimo (SBPE), tem de ter 30% da entrada (no caso de não ser funcionário público), comprovação de renda e, principalmente, nome limpo. A taxa…

Cenário “cabuloso”

Terça-feira, dia 26, a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança) apresentou um balanço do mercado imobiliário de 2015 e as expectativas para 2016. Traduzindo o “economês” que vocês facilmente poderão ler dando uma busca nas notícias que divulgaram a entrevista coletiva, a situação é a seguinte: Para quem quer comprar um imóvel na planta, com financiamento bancário, é bom saber que as taxas de juros estão altas, e assim continuarão em 2016. As construtoras, devido às baixas vendas, estão lançando menos empreendimentos em São Paulo, o que pode fazer a oferta ficar abaixo da procura, com…

O momento de negociar

Na quarta, dia 19, a Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) e a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) anunciaram um novo indicador de análise do mercado imobiliário, com abrangência nacional. Para chegar aos números analisados no período de abril a junho, a Fipe teve acesso às informações das empresas associadas à Abrainc. Vale dizer que a entidade agrega as maiores incorporadoras do mercado, que comercializam imóveis em vários estados mas predominantemente em São Paulo. O novo índice não se contrapõe ao do Secovi (Sindicato da Habitação), também divulgado na semana. A tradução dos complexos números é simples: as vendas…

Devagar com o andor que o santo é de barro

Ontem foi dia de divulgação de índices do mercado imobiliário. O site do Secovi (Sindicato da Habitação), fonte oficial dos números, indica que os resultados da pesquisa apresentam relativa estabilidade no mês de maio. Em maio, foram vendidas 2.149 unidades residenciais na cidade de São Paulo, uma redução de 1,6%, em relação ao mês de abril, que registrou 2.185 unidades vendidas. Mas se for comparado com o mesmo maio de 2014, o aumento foi de 3,3%, quando foram comercializadas 2.080 unidades. Após a divulgação da Pesquisa do Mercado Imobiliário, feita pelo Departamento de Economia e Estatísticas do Secovi-SP, pipocaram reportagens…